Apagão mundial. Falha de servidores deixa centenas de sites em baixo

8-06-2021

Vários sites e serviços digitais por todo o mundo estão a falhar, nesta terça-feira. Um problema que afecta plataformas como Google, Gmail e Twitter, mas também sites de órgãos de informação e de bancos.

As páginas de publicações como CNN, The New York Times ou BBC têm estado offline ou com problemas de acesso. Mas também se têm verificado dificuldades em serviços como o PayPal, o Spotify e o YouTube ou redes sociais como o Reddit e o Twitter.

A plataforma Downdetector, especialista em falhas de serviço na Internet, detectou erros e instabilidade em centenas de sites, incluindo nas páginas da NOS, Vodafone e MEO.

Mas também assinala dificuldades nos sites de BCP, CGD, Montepio e Santander, entre outros serviços.

Está em causa uma “falha mundial de servidores”, segundo o jornal espanhol El Mundo que também tem sido afectado pelos problemas.

A publicação refere que se trata de uma “falha na Fastly, uma rede de distribuição de conteúdos”.

A maioria dos sites precisa de serviços de empresas como a Fastly, que aloja “grandes partes da Internet em armazéns cheios de servidores que dão resposta a constantes pedidos de utilizadores”, aponta o El Mundo.

Mas quando esses pedidos excedem a capacidade dos servidores, estes interrompem o serviço de distribuição dos conteúdos.

A BBC avança que a Fastly já resolveu o problema que terá afectado apenas “locais específicos” pela Europa e pelos EUA.

O canal britânico frisa ainda que a Amazon Web Services, outra empresa de computação em cloud, já apresentou “problemas semelhantes” no passado.

Este tipo de episódio destaca “a importância e a significância destas grandes companhias de alojamento e do que representam”, aponta à BBC o especialista em cibersegurança Jake Moore.
(ZAP)

Desenvolvido por: Suporte Informatica