Censos. INE afasta empresa tecnológica “para que não subsistam quaisquer dúvidas da segurança da informação”

28-04-2021

O Instituto Nacional de Estatística garante que esta quebra de contrato não vai precipitar nenhum problema de segurança do site do Censos 2021, “continuando a ser assegurada a total proteção dos dados pessoais”. A única consequência que se poderá observar, explica um comunicado do Conselho Diretivo do INE, prende-se com a eventual diminuição da rapidez de acesso ao site da recolha de dados

O Conselho Diretivo do Instituto Nacional de Estatística (INE) anunciou na noite desta terça-feira que suspendeu o contrato com a Cloudflare, uma empresa de origem norte-americana que desenvolvia trabalhos de “desempenho e segurança” do site do Censos 2021. Numa nota enviada às redações, o INE admite ter sido contactado a 26 de abril pela Comissão Nacional de Proteção de Dados, “que suscitou dúvidas relativamente ao enquadramento jurídico da subscrição de serviços de desempenho e segurança no âmbito da operação censitária”.
(Cont a ler–> Expresso)

Desenvolvido por: Suporte Informatica