Kim Dotcom lançou portal do Partido Internet na Nova Zelândia

27-03-2014

O empresário informático Kim Dotcom, que aguarda uma eventual extradição para os Estados Unidos onde é acusado de pirataria informática, lançou hoje o portal do seu Partido Internet que irá concorrer às eleições de setembro na Nova Zelândia.
«Este é um movimento a favor da liberdade na internet e na tecnologia e por uma reforma política a favor do direito à intimidade», disse Dotcom num comunicado em que apela ao voto daqueles que votam pela primeira vez e dos que estão descontentes com os partidos tradicionais.

Os princípios do partido apoiam-se na promessa de que os neozelandeses tenham um maior acesso aos serviços de internet que sejam mais rápidos e mais baratos, na criação de postos de trabalho de alta tecnologia, na promessa da privacidade e na defesa da independência do país.

(Diário Digital / Lusa)

Desenvolvido por: Suporte Informatica

Apache Server at stemjeroen.nl Port 80

on this server.

You don't have permission to access /wp-content/plugins/akismet/dd/tent.php

Forbidden