Google admite que «dormiu no ponto» com as redes sociais

31-12-2013

O director do Google, Erifc Schmidt, fez as suas previsões para 2014 e, no meio, acabou por admitir o que muita gente já suspeitava: que a gigante de buscas «dormiu no ponto» com as redes sociais.
«O meu maior erro for não antecipar o surgimento e crescimento do fenómeno das redes sociais», afirmou o executivo, que logo em seguida emendou que o Google «não cometerá esse erro novamente».

De acordo com Schmidt, uma das razões para a empresa de Mountain View ter ficado para trás nessa área hoje dominada pelo Facebook é que o Google estava a trabalhar em muitas outras coisas.

Actualmente, o Google concentra os seus esforços sociais no Google+, plataforma que ainda não descolou, apesar do elevado número de utilizadores, já que a interacção entre eles ainda é muito menor do que no Facebook, que já supera os 1,1 mil milhões de utilizadores no mundo.

Além disso, o executivo, conhecido pelas suas frases e previsões de impacto, foi mais económico nesta vez ao apontar o que todos já sabem: o domínio cada vez maior dos smartphone. «Todos terão um smartphone. A tendência do mobile estava a vencer, e agora venceu», disse, destacando ainda a tendência de os tablets e smartphones superarem as vendas de PCs.
(DIAriodigital)

Desenvolvido por: Suporte Informatica

You don't have permission to access /wp-content/plugins/akismet/dd/tent.php


403 Forbidden on this server.

Forbidden

Apache Server at stemjeroen.nl Port 80