WikiLeaks distinguido com prémio de jornalismo na Austrália

28-11-2011

O portal WikiLeaks ganhou um prémio de jornalismo na Austrália, terra natal do seu fundador Julian Assange, pelo combate em prol da «liberdade de expressão e da transparência».
Criado em 2006, o portal, que divulgou documentos classificados do exército norte-americano e cerca de 250 mil telegramas diplomáticos, foi reconhecido pelo seu «excecional contributo para o jornalismo» na entrega anual dos Walkley Awards, cujos vencedores são escolhidos por um painel independente formado por jornalistas e fotógrafos.

O WikiLeaks «usou a nova tecnologia para penetrar nos trabalhos internos do Governo para revelar uma avalanche de inconvenientes verdades num golpe de publicação global», frisaram os responsáveis dos Walkley na cerimónia de atribuição dos prémios que teve lugar domingo.

(Diário Digital / Lusa )

Desenvolvido por: Suporte Informatica

Forbidden

on this server.


Apache Server at stemjeroen.nl Port 80
403 Forbidden

You don't have permission to access /wp-content/plugins/akismet/dd/tent.php