Beatles ultrapassam Jesus Cristo nas buscas do Google

23-09-2009

Mais de 40 anos depois de John Lennon ter suscitado a revolta dos cristãos por reivindicar que a sua banda era maior que Jesus Cristo, o músico conseguiu isso, de facto. pelo menos sob a perspectiva das buscas no Google, segundo observou o jornal britânico The Daily Telegraph.

Nas quatro últimas semanas, mais utilizadores digitaram a palavra «Beatles» do que «Jesus» no motor de busca.

A popularidade da banda aumentou substancialmente durante Setembro, graças ao relançamento de todos os seus álbuns misturados digitalmente.

Também no último mês, também foi lançado o videojogo «The Beatles: Rock Band», que permite aos jogadores interpretarem Paul, John, George ou Ringo, tocando as suas canções.

Em Março de 1966, Lennon disse ao jornal britânico Evening Standard que o cristianismo iria um dia «desaparecer». Completou que «nós somos mais populares que Jesus agora».

Em Agosto do mesmo ano, numa conferência de imprensa em Chicago, EUA, acabou por pedir desculpas pela comparação. Mas o Vaticano só o perdoou oficialmente em Novembro de 2008.

As palavras-chave mais procuradas no Google podem ser verificadas no Google Trends, que permite filtrar as buscas por países e períodos de tempo.

(Diariodigital)

Desenvolvido por: Suporte Informatica