Ataque DDoS mitigado com novos valores recorde e durante horas

21-09-2022

A Internet tem vindo, nos últimos meses, a ser fortemente fustigada por ataques DDoS de elevada escala. Depois de várias empresas terem mitigado alguns dos maiores ataques realizados na história da internet, parece que continuam a surgir casos de novos recordes a serem estabelecidos neste campo.

A empresa Imperva confirmou ter mitigado recentemente um DDoS que pode ter atingido novos recordes, tanto a nível do volume do mesmo como da própria duração. A empresa confirmou que o ataque terá sido realizado contra um dos seus clientes, associado a uma empresa de telecomunicações na China.

O ataque aconteceu a 27 de Junho de 2022, tento atingido os 3.9 milhões de pedidos por segundo no seu pico mais elevado, e com uma média de 1.8 milhões de PPS. Apesar de este valor ser mais reduzido que o ataque mitigado pela Cloudflare em Junho – que atingiu o pico de 29 milhões de PPS – o que será invulgar é a duração em que o mesmo teve efeito.

registo do ataque DDoS durante horas

Normalmente, os ataques DDoS realizados neste formato tendem a ser rápidos e eficazes contra os alvos, com uma duração média de alguns segundos ou poucos minutos. No entanto, o ataque mitigado pela Imperva terá durado várias horas.

Ao longo deste período, a intensidade do ataque foi variando de forma considerável, com picos de pedidos e períodos em que os mesmos eram reduzidos consideravelmente. Segundo a empresa, apenas um em cada dez ataques DDoS duram mais do que uma hora, e isto com uma capacidade de ataque consideravelmente mais pequena.

O ataque registado pela Imperva terá sido realizado por uma rede botnet presente em mais de 180 países, com IPs maioritariamente localizados nos EUA, Brasil e Indonésia.

Acredita-se que terão sido usados mais de 170.000 dispositivos diferentes para realizar o ataque, incluindo pequenos dispositivos da Internet das Coisas. De momento ainda não se identificou a origem da botnet.

(TT)

Desenvolvido por: Suporte Informatica