E se um foguetão caísse em águas portuguesas? Esta consulta pública recolhe opiniões

9-08-2022

A Virgin Orbit tem um projeto de lançamento de um foguetão, a partir do Reino Unido, que vai impactar as águas ao largo da costa de Portugal.

Está em consulta pública um projeto de lançamento do foguete da Virgin Orbit a partir do Spaceport Cornwall, Reino Unido, que irá cair em águas portuguesas.

A Agência Marítima Britânica (MMO na sigla original) explica que a Virgin Orbit vai usar um avião Boeing 747 para transportar o foguete até um ponto de lançamento que poderá variar entre os 10.700m e os 12.100m de altitude. O foguete cairá por aproximadamente cinco segundos antes de ligar o motor.

A parte de ignição do voo tem a maior probabilidade de falha, portanto, a Virgin Orbit solicitou uma zona de perigo em redor deste ponto. Um evento nominal não depositaria nenhum material no mar, mas para maior prevenção, é implementada uma zona de perigo de danos.

À medida que o foguete prossegue o seu curso para a órbita, o primeiro estágio do foguete cairá no oceano 193 segundos após a ignição e o segundo estágio, duas peças de fibra de carbono protegendo a carga útil, cairá 217 segundos depois, impactando as águas ao largo da costa de Portugal, refere a MMO.

A Agência Marítima Britânica acrescenta que a Virgin Orbit tem uma janela temporal de lançamentos de 29 de setembro a 28 de dezembro de 2022, no seu programa de trabalho, sendo que só estão planeados dois lançamentos em 2022, com uma ocupação de uma hora por dia (máximo) numa janela de três dias.

Os interessados podem deixar os seus contributos a esta consulta, até 19 de agosto, diretamente na plataforma do MMO, indicando o número MLA/2022/00134 para aceder à mesma, ou através da PT Space para o endereço fernando.pereira@ptspace.pt, caso pretendam que os contributos não sejam tornados públicos.
(Teksapo)

Desenvolvido por: Suporte Informatica