Amazon encerra cloud Drive em 2023

30-07-2022

A Amazon volta a relembrar os perigos de se confiar na cloud, anunciando que irá encerrar o seu cloud Drive no final de 2023.

A Amazon parece ter decidiu escrever o capítulo final da longa saga do Cloud Drive. O Cloud Drive foi um serviço que desde logo conquistou imensos clientes, prometendo espaço ilimitado para fotos por $1 por mês, ou espaço ilimitado para tudpo por apenas $5 por mês. Contando com um nome como o da Amazon, um dos maiores nomes dos serviços na cloud, a proposta era irresistível, mas acabou por se revelar uma inesperada história dos riscos de confiar na cloud.

Bastou um ano para que a Amazon trocasse as voltas aos clientes, deixando de oferecer a modalidade de fotos ilimitadas, obrigando os clientes a migarem para o plano ilimitado global, cinco vezes mais caro. E, voltando a repetir a dose, no ano seguinte voltou a dar novo pontapé na confiança dos clientes, acabando com a modalidade ilimitada.

Agora, a novela tem finalmente um fim anunciado, com a Amazon a revelar que vai encerrar o Cloud Drive por completo a 31 de Dezembro de 2023; deixando de aceitar uploads a 31 de Janeiro.

O anúncio só não é mais ridículo por causa de todos os “tiros no pé” que a Amazon já tinha dado anteriormente. Mas, ainda assim, serve como um exemplo perfeito dos riscos das “clouds”. Se a Amazon, um dos nomes mais poderosos das “clouds”, se digna a encerrar um drive na cloud, que confiança se pode ter que qualquer outro serviço na cloud não faça o mesmo?

A Google também já presenteou os utilizadores com o fim do espaço ilimitado para as fotos, depois de durante alguns anos ter treinado as pessoas a lá acumularem gigabytes e mais gigabytes de fotos e vídeos, fazendo com que, para grande parte, a única opção viável fosse começar a pagar pelo espaço. Agora, imagine-se o que seria se, como a Amazon, também se limitasse a dizer: afinal vamos encerrar isto, desculpem lá e até à próxima!
(Ptnik)

Desenvolvido por: Suporte Informatica