Tesla lança central virtual com Powerwalls na Califórnia

27-06-2022

Na Califórnia, quem tiver Powerwalls da Tesla poderá disponibilizar a sua bateria para ajudar a estabilizar a rede eléctrica, e receber dinheiro por isso.

Há muito que é sabido que é necessário evoluir a rede eléctrica tradicional para uma estrutura mais dinâmica e descentralizada, que tenha em consideração a geração de fontes de energia renováveis, o aumento da utilização de veículos eléctricos, a micro-geração residencial, e as bateria domésticas. E enquanto uns vão falando, a Tesla vai concretizando.

Na Califórnia a Tesla fez uma parceria com a PG&E para criar uma central virtual usando as Powerwalls dos clientes, disponível para injectar energia na rede sempre que for necessário, evitando apagões catastróficos.

A Tesla já tinha feito um programa piloto, a que os clientes podiam aderir de forma voluntária, mas desta vez a proposta torna-se mais atractiva pois irão receber dinheiro no caso da sua Powerwall ser usada para a rede - com a Tesla a dizer que poderão aderir cerca de 50 mil Powerwalls, disponibilizando um total de 500 MWh de energia instantaneamente disponível para estabilizar a rede.

Por um lado é bom ver a Tesla a fazer isto, por outro lado fico um pouco desapontado que este tipo de coisa não seja feita com base num standard que facilitasse a integração de todo o tipo de sistemas e não só os de uma determinada marca. E infelizmente as perspectivas para que tal aconteça parecem-me bastante reduzidas, bastando olhar para o caos de sistemas como a E-Redes e o labirinto burocrático de quem coloca painéis e tenta receber alguns cêntimos pelos excedentes que injecta na rede.
(Ptisp)

Desenvolvido por: Suporte Informatica