Busan vai ser a primeira cidade flutuante do mundo

8-05-2022

Busan, a segunda cidade mais populosa da Coreia do Sul, vai ser a primeira cidade flutuante do mundo.

O presidente da câmara de Busan e os dirigentes da UN-Habitat, o Programa da ONU para os Assentamentos Humanos, anunciaram que a cidade sul coreana vai acolher o OCEANIX Busan, protótipo de cidade flutuante do projeto das Nações Unidas.

O projeto foi apresentado a semana passada, na sede da ONU em Nova Iorque.

As cidades flutuantes prometem ser uma solução eficaz e sustentável para a subida do nível do mar, mas até à data ainda não foi construída nenhuma.

De acordo com a EL Confidencial, se as previsões dos cientistas sobre os efeitos das alterações climáticas na subida do nível do mar se confirmarem, o nível do mar subirá 1,3 metros até 2100 e poderá subir até cinco metros até 2300.

O impacto deste aumento pode ser devastador para as cidades costeiras e pode afetar milhões de pessoas.

“O desafio é enorme: duas em cada cinco pessoas no mundo vivem num raio de 100 quilómetros da costa e 90% das grandes cidades do mundo são vulneráveis à subida do nível do mar”, diz a UN-Habitat.

“As inundações estão a destruir milhares de milhões de dólares de infraestruturas e a forçar milhões de refugiados climáticos a abandonar as suas casas.”

A cidade flutuante coreana será chamada “Oceanix Busan” e pretende ser um protótipo para testar novas tecnologias para a construção das tais estruturas. O governo municipal de Busan, a UN-Habitat e a empresa de engenharia de Nova Iorque Oceanix estão a colaborar no projeto.


Desenvolvido por: Suporte Informatica