Spotify continua a derrotar Apple, Google e Amazon na batalha do streaming

21-01-2022

Os analistas de mercado da Midia Research já revelaram o seu relatório mais recente relativo ao mercado de streaming de música. Este apresenta-nos dados do segundo trimestre de 2021, e a demora deve-se ao quão longo é o processo de chegar a estes números.

Segundo a Midia Research, o Spotify tinha nesta altura qualquer coisa como 162,4 milhões de subscritores pagantes no serviço de streaming. Isto confere-lhe uma quota de mercado estimada de 31%.

Spotify
Mercado global de subscritores de streaming de música no segundo trimestre de 2021. Crédito: Midia Research

Estes números revelam uma ligeira quebra do Spotify relativamente aos anos anteriores. No período homólogo de 2020 tinha 33% de quota de mercado, enquanto que em 2019 dispunha de 34%.

Apple Music num distante segundo lugar com 15% de quota de mercado

Ainda assim, o Apple Music mantém-se num distante segundo lugar. O serviço de streaming da Apple tem uma estimativa de 78,6 milhões de subscritores, que lhe conferem uma quota de mercado de 15%.

O Amazon Music conta com uns estimados 68,1 milhões de subscritores, que lhe conferem uma quota de mercado de 13%. Partilha esta terceira posição com o Tencent Music, que consegue tais números mesmo sendo exclusivo da China.

Ainda no campo dos serviços de streaming verdadeiramente relevantes encontramos o YouTube Music. O serviço conta com uns estimados 41,9 milhões de subscritores e 8% de quota de mercado.

Em números globais, a Media Research estima que existam cerca de 523,9 milhões de subscritores contemplando todos os serviços de streaming de música. E embora o Spotify regista uma queda, dificilmente perderá a liderança deste mercado tão cedo.

(4gnews)

Desenvolvido por: Suporte Informatica