cMark Zuckerberg foi apanhado! Prefere usar o Signal em vez do WhatsApp

7-04-2021

Mark Zuckerberg, fundador e CEO do Facebook, foi apanhado a utilizar a plataforma de chat virtual Signal. O dono do Facebook, que também detém a sua própria plataforma de chat Facebook Messenger e o WhatsApp, possui conta no Signal e, ao que tudo indica, poderá utilizar esta plataforma rival.

A descoberta foi feita por Dave Walker, investigador especialista em cibersegurança, que teve acesso a dados de Mark Zuckerberg após o grande leak de informações pessoais dos utilizadores do Facebook em 2019, onde 533 mil perfis foram afetados.

O investigador descobriu que Mark Zuckerberg estava ironicamente incluído no grande leak de informações, tendo acesso ao número de telefone do executivo e constatado que este está associado a uma conta no Signal.


Vantagens de privacidade do Signal face ao WhatsApp poderão ser atrativas para Mark Zuckerberg

Após as recentes polémicas em torno da partilha de informações pessoais dos utilizadores do WhatsApp com o Facebook, vários utilizadores têm migrado para aplicações concorrentes, como o Signal ou o Telegram. O Signal tem ganho grande popularidade devido ao seu caráter independente e pela forma como a encriptação é feita, além de que a recolha de dados dos seus utilizadores é mínima.

Aproximando-se a data de 15 de maio (limite para que os utilizadores WhatsApp aceitem os termos de privacidade da aplicação para que possam continuar a usufruir da mesma), a polémica instaura-se agora em torno de Mark Zuckerberg e a sua conta no Signal, graças à descoberta de Dave Walker. Este poderá ser um sinal de que o próprio CEO do Facebook reconhece as fragilidades do WhatsApp.

Mark Zuckerberg, Facebook, CEO, WhatsApp, Signal, Messenger

Curiosamente, a equipa do WhatsApp veio garantir aos seus utilizadores que a atualização na política de recolha de informações não afetará a política de privacidade e segurança dos usuários, servindo apenas para oferecer maior transparência no serviço prestado, garantindo ainda que toda a informação transmitida entre utilizadores continuará a ser encriptada.

Mark Zuckerberg ainda não se pronunciou sobre a temática, mas será interessante perceber como (e se) o CEO do Facebook reagirá à crescente onda de indignação no Twitter (o simples registo no Signal não significa, só de si, que a conta seja utilizada regularmente).


Segue toda a atualidade tecnológica no TecheNet através do FacebookGoogle News Twitter. Agora, temos também um canal dedicado no Telegram, onde poderás receber todas as novidades em primeira mão.

(Techenet)

Desenvolvido por: Suporte Informatica