SafetyNet da Google por hardware pode vir a “matar” as ROMs e root do Android

1-07-2020

Se é um entusiasta de alterar a ROM de dispositivos Android, ou de aplicar root no sistema, esta tarefa pode ficar consideravelmente mais difícil de ser feita sem problemas no futuro. Isto porque a Google começou a integrar uma nova verificação do SafetyNet nas suas mais recentes versões do Android.

Depois de anos a batalhar entre o “gato e o rato” para contornar as limitações do SafetyNet, a Google parece ter decidido implementar medidas para evitar que este sistema seja contornado. O SafetyNet é uma funcionalidade da Google que verifica se o sistema foi adulterado de alguma forma – como acontece quando se instala o root.

Várias aplicações utilizam este sistema para avaliar se o sistema possa ter sido modificado, e para garantir que informações importantes não são acedidas. Por exemplo, certas aplicações bancárias utilizam o sistema.

De acordo com o criador do Magisk, John Wu, a Google começou agora a testar uma implementação baseada em hardware. Até agora o SafetyNet era baseado em software, pelo que podia ser contornado com a exploração de algumas falhas.

mensagem do programador

Porem, com a chegada de uma verificação de hardware, a tarefa torna-se consideravelmente mais difícil. Isto porque o SafetyNet passa a ficar encriptado diretamente no hardware dos dispositivos, e será praticamente impossível de contornar – a menos que se descubra uma grave falha no ambiente seguro do Android, algo que será, provavelmente, bastante difícil de também acontecer.

Ou seja, com esta funcionalidade, os utilizadores que alterem a ROM dos seus dispositivos ou venham a aplicar root de alguma forma, ficam basicamente impedidos de utilizar qualquer app que se baseie no SafetyNet para ser executada. Sem duvida uma grande perda para a comunidade de programadores de ROMs para Android, mas como sempre, existe luz ao fundo do túnel para uma possível “falha” que permita controlar também este sistema… apenas será incerto quando irá chegar.

(TT)

Desenvolvido por: Suporte Informatica