Donald Trump ameaça as empresas das redes sociais após fact-check do Twitter

28-05-2020

Recentemente o presidente dos EUA, Donald Trump, teve algumas das suas publicações no Twitter validadas por conterem conteúdos falsos ou enganadores, o que certamente não agradou o mesmo.

Pouco depois da medida, o presidente considerou que o Twitter encontrava-se a aplicar medidas de censura nas vozes do partido, e a prejudicar a campanha eleitoral do presidente para um novo mandato nos EUA.

Pouco depois deste comunicado, Donald Trump voltou ao Twitter para lançar novas ameaças contra empresas de redes sociais – não diretamente para o Twitter, mas para qualquer entidade que possa censurar os conteúdos.

Tweet de donald trump

Numa nova mensagem o presidente afirma que as empresas de redes sociais estão a tentar silenciar as vozes conservadores, ameaçando com possíveis regras ou até encerramentos no setor caso isso aconteça. O presidente citou as campanhas de 2016, que teriam sido altamente contestadas na altura por várias frentes – mas ao mesmo tempo muitos críticas apontam que foram as redes sociais que levaram Donald Trump a ganhar popularidade para se tornar o atual presidente dos EUA.

(TT)

Desenvolvido por: Suporte Informatica