Arquivo não oficial da Apple está em risco de desaparecer

28-01-2020

Um dos sites mais interessantes na internet é o Apple Archive. Esta localização virtual contém mais de 15 mil anúncios, vídeos de treino interno, imagens e outros conteúdos da história da empresa de Cupertino. Contudo, a maior parte desta valiosa coleção foi eliminada, por obra da Apple.

O curador do “museu” virtual, Sam Henri Gold, recebeu uma barragem de avisos de remoção por parte dos advogados da Apple. Os avisos informam Gold que a coleção de vídeos tinha sido completamente removida.

Cool pic.twitter.com/rfk26GrxRU
— Sam Henri Gold (@samhenrigold) 25 de janeiro de 2020

Gold até brincou com a situação, dizendo ao The Verge “sabem como é receber 700 notificações de e-mail no relógio em 2 minutos? O meu pulso até ficou dormente”. A maioria do conteúdo foi eliminado, sobrando ainda 264 vídeos e várias imagens de anúncios clássicos da Apple.

Alguns dos vídeos eliminados eram bastante hilariantes, mostrando a formação de funcionários da empresa, completo com enganos e risos. Um dos mais populares é o intitulado Easy Pay, que ainda podes ver no YouTube.

Afinal, os vídeos pertencem à Apple

Por mais que queiramos criticar a Apple por remover os vídeos, no final do dia, os conteúdos pertencem todos à empresa. Desta forma, a Apple tem todo o direito de proteger a sua propriedade intelectual, principalmente quando se tratam de vídeos internos de formação de funcionários.
Gold não quer desistir do projeto

Apesar da situação, Gold publicou no Twitter a pedir orientação legal aos seus seguidores, pois provavelmente vai tentar entrar numa batalha legal com a Apple, o que será obviamente uma péssima ideia, visto que a Apple é detentora de todo o conteúdo.
(4gnews)

Desenvolvido por: Suporte Informatica