Centro digital da Mercedes em Portugal está a contratar. TI e programação são algumas das áreas

8-01-2020

A marca alemã lançou o Digital Delivery Hub em 2017 e, depois de já contar com mais de 150 colaboradores, a empresa está à procura de mais talentos.

Em maio de 2017 a Mercedes-Benz instalou na capital o primeiro centro de fornecimento de serviços digitais e de soluções globais de software da empresa a nível mundial. Passados quase três anos, o Digital Delivery Hub está a contratar para mais de trinta cargos, nomeadamente na área das tecnologias de informação, data insights e programação.

Numa entrevista concedida ao Dinheiro Vivo, o diretor-geral do Mercedes-Benz.io Lisboa garante que o centro digital da marca, localizado em dois escritórios diferentes, um no Second Home Lisboa e outro na Fundação das Comunicações, já conta com 152 pessoas e, dado o crescimento do número de colaboradores, vêm aí mudanças.

“Vamos mudar-nos, em fevereiro, por um período temporário, para o novo IDEA Hub, no Saldanha”, explica o representante, numa altura em que o centro digital da Mercedes só poderá fixar-se no Hub Criativo do Beato quando estiverem concluídas as obras de reabilitação do edifício da empresa alemã Factory. É neste local que a marca automóvel alemã vai conviver com outras empresas digitais e mesmo com startups.

A mudança do Mercedes-Benz.io deveria ter ocorrido em 2019, mas as obras de reabilitação no edifício da Factory estão atrasadas. “Está previsto que o espaço no Beato esteja aberto este ano. Deverá levar 200 pessoas”, acrescenta o mesmo responsável.

Na altura, e em comunicado, a fabricante de automóveis garantia que o novo Digital Delivery Hub seria uma “peça essencial” na estratégia da MercedesBenz, “para passar a ser um fornecedor líder de serviços de mobilidade premium”. Desde o início que o objetivo foi o lançamento de novos produtos digitais e modelos de negócio.
(teksapo)

Desenvolvido por: Suporte Informatica