O poder dos fandoms: como o Twitter está mudando o consumo de música na internet

11-08-2019

48% dos usuários usam a plataforma para acompanhar artistas musicais

Todo mundo sabe que o Twitter é um dos principais lugares na internet para saber o que está acontecendo no mundo, incluindo tendências da música, mas nem todas conhecem o potencial de mercado que a plataforma possui neste território. O que melhor resume essa força do Twitter são os fandoms, que praticamente definem as faixas e artistas que vão estourar no mundo da música toda semana. Estes “grupos” reúnem os fãs mais apaixonados por determinados artistas e são, no geral, a quem o público mais recorre na hora de saber sobre música.

De acordo com um estudo da Music 360 encomendado pelo Twitter, cerca de 42% dos fãs de música afirmam que seus amigos constantemente entram em contato para pedir dicas de novos artistas, músicas ou shows. E o Twitter é o lugar onde eles mais vão para descobrir os próximos hits: 48% dos usuários declararam que usam a plataforma para se manter informados sobre os artistas que gostam. Além disso, 45% dos usuários que se identificam com algum fandom declararam ter interesse em gastar mais com música.

Mas de que forma os fandoms atuam no Twitter?

Eles são o equivalente digital ao público que passa noites em filas para ser o primeiro a comprar o ingresso de um show e ficar na frente da grade. São essas pessoas que Tweetam constantemente sobre suas primeiras impressões de um novo disco, as possíveis datas e locais de uma turnê e os visuais de seus ídolos em eventos, colocando na prática o velho conceito de iniciar uma conversa na timeline.

Tem muito artista que já percebeu esse poder do Twitter. O rapper Thaíde e o músico de hip-hop Blackbear, por exemplo, são conhecidos por atualizar seus fãs a todo instante, fomentando o interesse do público por seus trabalhos e opiniões. Enquanto Thaíde mostra onde os seus seguidores podem encontrá-lo, Blackbear divide todo tipo de pensamento profundo em seus Tweets e até se relaciona com alguns fãs por meio de DMs (Mensagens Diretas).


O Twitter é feito por pessoas e são elas que começam as conversas que mudam a forma como vemos o mundo e, às vezes, como vivemos nele.

Então, como encontrar essas pessoas que fazem a diferença? Comece por quem lança tendências, lidera movimentos e transforma a cultura. #ComecePelasPessoas. #ComecePelasPessoas no Twitter.
(B9)

Desenvolvido por: Suporte Informatica