Maioria dos norte-americanos a favor da tecnologia de reconhecimento facial

10-01-2019

Parece que os cidadãos dos Estados Unidos não estão tão preocupados com a sua privacidade, e mais precisamente com o reconhecimento facial, como já estiveram.

Apenas um em cada quatro americanos (26%) acha que o governo deve limitar fortemente o uso de tecnologia de reconhecimento facial. O valor baixa ainda mais quando entra o argumento da segurança pública. Neste caso, a maioria (55%) discorda da imposição de restrições, com menos de um em cada cinco (18%) a concordarem.

Da mesma forma, apenas 20% dos americanos consideram que se deve reduzir estritamente o uso nas políticas de segurança dos aeroportos, enquanto 54% discordaria de tal limite. No que toca às lojas e comércio, para combate ao roubo, 24% defendem limites rígidos e 49% estão a favor.

Estes são alguns dos dados resultantes do mais recente estudo conduzido pelo Center for Data Innovation, um instituto norte-americano independente e sem fins lucrativos, que pode consultar na íntegra nesta página online.
(Teksapo)

Desenvolvido por: Suporte Informatica